Medicina Preventiva /

Notícias

Benefícios da Própolis

22/05/2015

Você já ouviu falar sobre a própolis? Ou mesmo viu que esse item está presente em algum alimento que você consome?

Produzida pelas abelhas, a própolis é resultado da mistura de substâncias colhidas do pólen de flores e árvores com as secreções do próprio animal. Para as abelhas a própolis é necessária para o ataque aos insetos e fungos, preservando assim a colmeia.

Atualmente a própolis é também adicionada em alimentos e bebidas com a finalidade de melhorar a saúde e prevenir doenças, como inflamações, diabetes, doenças cardíacas e cânceres. Isso devido à composição química de:

- Resinas e bálsamos aromáticos: 50%
- Ceras: 25 a 35%
- Óleos essenciais: 10%
- Grãos de Pólen: 5%
- Minerais: cálcio, ferro, magnésio, silício, bromo e zinco.
- Vitaminas: A, C, E e do complexo B.
- Flavonoides, antioxidantes e alguns aminoácidos.

Pela presença dessas substâncias, a própolis é considerada um antibiótico natural, com ação antiviral, antifúngica, analgésica, cicatrizante, além de atuar no sistema imunológico, estimulando a produção de anticorpos.

Como antibactericida, sua principal vantagem em relação aos medicamentos farmacológicos esta relacionada ao fato de destruir apenas as bactérias nocivas do organismo, preservando as benéficas.

A função antiviral ocorre principalmente nas doenças do aparelho respiratório: pneumonias, resfriados e gripes.

Com função antifúngica e antimicótica, a própolis atua significativamente em infecções vaginais, bucais, dermatites e micoses.

Já o bacilo Helicobacter pilori, responsável pela maioria das úlceras gástricas, é altamente sensível à própolis, que com seus flavonoides propicia a reconstrução de tecidos. Essa ação também favorece a melhora das cicatrizações de qualquer outra parte do corpo.

O alívio das dores ocorre devido a função anestésica, podendo auxiliar em dores de garganta ou de dente.

Apesar dos inúmeros benefícios, deve ser utilizado com cautela e em doses corretas. Estudos indicam que no máximo 60 gotas diárias.

Essa resina poderosa mantém os favos de mel sempre limpos, e já era utilizada desde a antiguidade pelos egípcios para embalsamar corpos, livrando-os dos decompositores e pelo Império Romano como cicatrizante de feridas.

Atualmente a própolis é encontrada no mercado em diferentes formas de utilização: spray, pastilhas, balas, xaropes, comprimidos, extratos, gotas e suspensão. Além disso, xampus e cremes faciais para uso cosmético.

Fonte de pesquisa: www.minhavida.com.br ; www.mundoeducacao.com




Escritório Central
(17) 3214-6499

Unidade Administrativa
Rua XV de Novembro, 4488 - Redentora
CEP 15015-110 - São José do Rio Preto/SP
Unidade Medicina Preventiva
Rua Redentora, 3140 - Redentora
CEP 15015-780 - São José do Rio Preto/SP
Unidade Comercial
Rua Redentora, 3238 – Redentora
CEP 15015-780 – São José do Rio Preto/SP
© Bensaúde - Todos os direitos reservados
desenvolvido por Diginova - Sites e Sistemas