Medicina Preventiva /

Notícias

Câncer de Pele

08/01/2014

A pele é o maior órgão do corpo humano.  Regula a temperatura corporal, protege contra luz e infecções e é responsável pela reserva de água.

O câncer de pele corresponde a 25% de todos os tumores malignos registrados no Brasil e a detecção precoce é um fator determinante para os altos percentuais de cura. O Brasil é um país tropical situado geograficamente numa zona de alta incidência de raios ultravioleta, que são os maiores causadores de câncer de pele. Cerca de 50% da população brasileira têm pele clara e se expõe muito ao sol sem proteção, seja por trabalho ou por lazer, o que explica a alta ocorrência da doença.

A pele tem 3 camadas: uma externa (epiderme), uma intermediária (derme) e outra interna (hipoderme). Os raios ultravioletas B atingem principalmente a epiderme, causando queimaduras solares, enquanto o raio ultravioleta A chegam à derme, provocando envelhecimento da pele. Entretanto, os 2 tipos de radiação ultravioleta podem causar câncer de pele.

O melanoma é o mais grave dos cânceres cutâneos devido à sua alta possibilidade de metástase e acomete desde pessoas de pele clara até pessoas morenas e negras.

Fatores de Risco

- Sensibilidade ao sol (pessoas que sempre ficam vermelhas quando se expõem ao sol e se bronzeiam pouco ou não se bronzeiam);

- Pele clara, olhos claros e cabelos loiros ou ruivos;

- Exposição excessiva ao sol sem proteção adequada;

- História pessoal prévia de câncer de pele ou queimadura solar;

- Histórico familiar de câncer de pele;

- Múltiplas pintas e sardas;

- Exposição prolongada e repetida ao sol na infância e adolescência.

Sinais e sintomas

- Manchas ou pintas, mesmo que de nascença e que ao longo do tempo mudem de cor, tamanho, espessura ou formato, principalmente as que têm bordas irregulares e vários tons de marrom e preto na mesma lesão;

- Manchas, pintas, verrugas ou espinhas que apresentem coceira, ardência, descamação ou sangramento;

- Lesões ou feridas que não cicatrizam em 4 semanas;

- Mudança na textura da pele.

IMPORTANTE: Não é normal que pintas e manchas comecem a crescer ou mudar de cor, se isso ocorrer procure um dermatologista para uma avaliação.

Prevenção

A exposição solar tem efeito cumulativo, podendo o câncer de pele surgir muitos anos mais tarde. A proteção ao sol na infância e adolescência reduz significativamente os riscos de câncer de pele, pois sabe-se que cerca de 80% de toda radiação solar que recebemos durante toda a vida se concentra nos primeiros 18 anos de idade.

Dicas importantes na prevenção do câncer de pele e na fotoproteção:
- Reduza seu tempo de exposição ao sol e evite exposição solar entre 10h e 16h;
- Escolha um protetor solar com pelo menos FPS - 30 (fator de proteção solar);
- Aplique o protetor solar 30 minutos antes da exposição ao sol;
- Reaplique o protetor solar quando você permanecer mais de 2 horas ao sol ou quando o filtro for retirado por contato com a água ou suor, ainda que seja à prova d´água;
- Para quem trabalha ao sol, cubra-se. Use calça, camisa manga longa, chapéu de aba larga e óculos escuros com proteção ultravioleta (UV);
- Ensine as crianças a protegerem-se do sol e usar protetor solar;
- Mesmo nos dias nublados, sob a água ou através do vidro nos carros com a janela fechada a radiação solar esta presente;
- Atenção especial para orelhas, pescoço, dorso das mãos e dos pés, cabeça (careca) e lábios.

Tratamento

O tratamento inicial é cirúrgico. Dependendo do estágio da doença, a radioterapia e a quimioterapia podem ser realizadas quando há risco de metástase.

Auto-exame

Realizar o auto-exame da pele regularmente (mensal) auxilia no conhecimento da própria pele e de suas marcas (pintas e manchas). Se houver qualquer mudança será mais fácil acompanhar sua evolução. Deve-se utilizar um espelho e verificar áreas do corpo da seguinte forma:

- Com os braços levantados, examine seu corpo de frente, de costas e os lados direito e esquerdo;

- Dobre os cotovelos e observe cuidadosamente as mãos, antebraços, braços e axilas;

- Nas pernas examine as partes da frente, detrás e dos lados, além da região genital;

- Sentado, examine atentamente a planta e o peito dos pés, assim como entre os dedos;

- Examine o couro cabeludo, pescoço e orelhas com o auxílio de um espelho de mão e de uma escova ou secador;

- Examine as costas e as nádegas também com auxílio do espelho de mão.

IMPORTANTE: A prevenção do câncer de pele é fundamental e o diagnóstico precoce favorece altos índices de cura.

Fonte: INCA/ Sociedade Brasileira de Dermatologia




Escritório Central
(17) 3214-6499

Unidade Administrativa
Rua XV de Novembro, 4488 - Redentora
CEP 15015-110 - São José do Rio Preto/SP
Unidade Medicina Preventiva
Rua Redentora, 3140 - Redentora
CEP 15015-780 - São José do Rio Preto/SP
Unidade Comercial
Rua Redentora, 3238 – Redentora
CEP 15015-780 – São José do Rio Preto/SP
© Bensaúde - Todos os direitos reservados
desenvolvido por Diginova - Sites e Sistemas