Medicina Preventiva /

Notícias

Doenças Reumáticas ou Artrite?

30/10/2013

No dia 30 de Outubro comemorou-se o Dia Nacional de Luta contra o Reumatismo, com o objetivo de conscientizar a população sobre os perigos da doença. De acordo com o Ministério da Saúde, a doença afeta aproximadamente 12 milhões de brasileiros.  

 

O reumatismo é um conjunto de doenças que afetam o aparelho musculoesquelético, composto por ossos, articulações, músculos, ligamentos e tendões. As queixas reumáticas podem atingir todo esse sistema, tanto nos membros quanto na coluna vertebral. Todas as dores e as alterações funcionais (limitação e restrição de movimentos) sem causa traumática podem ser consideradas doenças reumáticas.

 

A doença, que afeta 6% da população brasileira, não faz distinção de sexo ou idade. Pode atingir tanto homens quanto mulheres de qualquer idade. Mas ao contrário de algumas doenças, que chegam silenciosas e sem alarde, o reumatismo é fácil de detectar, o próprio paciente pode identificar os primeiros sintomas e consultar o especialista.

 

Os sintomas iniciais do reumatismo são dores nas articulações, principalmente quando superior a seis semanas e estiverem acompanhadas de inchaço, calor ou dificuldade para movimentar as juntas, sobretudo ao acordar pela manhã. Se a doença for descoberta nesses primeiros sinais e tiver um tratamento adequado, o paciente reumático pode levar uma vida normal, diminuindo assim os riscos da incapacidade física.

 

As doenças reumáticas podem ser diagnosticadas através da história clínica do paciente, exames físicos, laboratoriais (exames de sangue) e de imagem, os quais permitirão ao Reumatologista confirmar o diagnóstico, determinar a gravidade da doença e programar o tratamento.

 

Os objetivos do tratamento são: aliviar a dor, prevenir deformidades e no caso das doenças difusas do tecido conjuntivo evitar lesão permanente de órgãos alvos como rins e pulmões.

O tratamento se divide em terapia medicamentosa e não medicamentosa, o qual inclui controle do peso, fisioterapia, atividade física e cessação do tabagismo, pois o cigarro piora o prognóstico de todas as doenças reumáticas.

 

O diagnóstico precoce é de suma importância para acompanhar a evolução da doença, minimizando complicações que podem incapacitar o paciente de forma definitiva, por isso, a busca do especialista é essencial.

 

A Artrite Reumatoide está entre o tipo mais comum das doenças reumáticas, embora sejam constatadas mais de centenas delas e cada uma possui seus subtipos. Quando alguém diz que tem artrite significa apenas que tem inflamação da articulação. A artrite é uma manifestação comum à maioria das doenças reumáticas que comprometem as articulações, mas não é um diagnóstico.  Os termos "reumatismo" ou "doença reumática", na realidade nada significam, pois não são diagnósticos. O Reumatologista irá identificar qual doença específica que cada paciente tem.

 

As causas, tratamentos e consequências das diversas doenças reumáticas podem ser muito diferentes, razão pelo qual se torna importante saber qual a doença de cada paciente, ao invés de simplesmente classificar como reumatismo.

 

As doenças reumáticas são doenças crônicas e necessitam de tratamento prolongado, mas possuem evolução e prognóstico variável, dependendo da doença e do paciente. O diagnóstico correto e o tratamento adequado é fundamental para um prognóstico mais favorável.

 

Fonte de pesquisa: www.saude.gov.br e www.reumatologia.com.br



Escritório Central
(17) 3214-6499

Unidade Administrativa
Rua XV de Novembro, 4488 - Redentora
CEP 15015-110 - São José do Rio Preto/SP
Unidade Medicina Preventiva
Rua Redentora, 3140 - Redentora
CEP 15015-780 - São José do Rio Preto/SP
Unidade Comercial
Rua Redentora, 3238 – Redentora
CEP 15015-780 – São José do Rio Preto/SP
© Bensaúde - Todos os direitos reservados
desenvolvido por Diginova - Sites e Sistemas