Medicina Preventiva /

Notícias

Como estão seus rins?

15/03/2013


O rápido crescimento da Doença Renal Crônica (DRC) no Brasil e no Mundo aponta para a necessidade de campanhas preventivas. Contando com isso, o dia 8 de março foi criado para comemorar o Dia Mundial do Rim, que neste ano será realizado no dia 14. O tema da campanha de 2013 é: “Pare de agredir seu rim” com o objetivo de orientar a população sobre a importância da prevenção das doenças renais e do diagnóstico precoce.

A doença renal crônica é a perda gradual do funcionamento dos rins, que removem os resíduos e o excesso de água do organismo. Os principais fatores de risco para as doenças renais são:

·                    Hipertensão arterial,

·                    Diabetes mellitus,

·                    História familiar de doença renal,

·                    História de doença renal no passado,

·                    Obesidade,

·                    Fumo,

·                    Uso de medicações sem orientação médica.

As causas mais relevantes para o aparecimento da doença renal é diabetes e hipertensão arterial, representando mais de 60% dos casos novos de pacientes em tratamento dialítico. As glomerulopatias (infecções que acometem o glomérulo – estrutura do rim que tem função de filtrar o sangue) correspondem à terceira causa, seguida de  nefrites, cistos renais, infecções urinárias de repetição, cálculo renal, uso de anti-inflamatórios não hormonais, uso de analgésicos  e outros medicamentos nefrotóxicos. 

Os sinais e sintomas podem incluir inchaço nas pernas ou rosto, cólica renal, infecção urinária, sangue na urina, fraqueza ou palidez cutânea não explicada por outras causas. Contudo, as doenças renais podem existir sem sintomas por um longo período. Dessa forma, se uma pessoa com doença renal procurar auxílio médico tardiamente, poderá descobrir a doença em fase irreversível.

As complicações incluem anemia, doenças ósseas, desnutrição, perda da função renal e doença cardiovascular. A evolução da DRC para morte precoce é mais provável do que a evolução para diálise e isso ocorre em decorrência de um evento cardiovascular, como infarto ou derrame cerebral. Mesmo em estágios iniciais, a chance de morrer por doença cardiovascular é 46% maior em portadores de doença renal, sendo de 136% no estágio moderado da doença. Já nos pacientes em diálise, a mortalidade eleva-se de forma assustadora: uma pessoa de 30 anos tem a mesma chance de morrer que uma de 80 anos.

A prevalência de doença renal crônica é de 50/100.000 habitantes, inferior ao que é visto nos Estados Unidos (110/100.000) e no Japão (205/100.000), o que sugere que seja uma doença subdiagnosticada.

A doença renal crônica pode ser facilmente diagnosticada por meio de um exame de urina ou da dosagem de creatinina no sangue e pode ser efetivamente tratada, retardando a progressão da doença e reduzindo as mortes.

 

CUIDE DOS SEUS RINS:

·         Beba 8 copos de água ao dia;

·         Não abuse do sal na alimentação;

·         Mantenha o peso corporal adequado;

·         Não fume;

·         Reduza o consumo de bebidas alcoólicas;

·         Mantenha atividade física regular;

·         Verifique a pressão arterial de 2 a 3 vezes por ano, no caso dos não hipertensos (principalmente após os trinta anos de idade);

·         Faça exames de sangue para verificar as taxas de creatinina, glicose, ácido úrico, colesterol e triglicerídeos pelo menos uma vez ao ano;

·         Faça um simples exame de urina por ano;

·         Procure um nefrologista em caso de mudança da cor/aspecto da urina, urina espumosa, presença de inchaço, dor/ardor ao urinar, dor lombar, fraqueza, desânimo, náuseas e vômitos matinais.

 

O Bensaúde com a Equipe da Medicina Preventiva apoia e participa da Campanha Nacional em parceria com a Sociedade Brasileira de Nefrologia. No dia 14 realizaram aferição de pressão arterial e orientações aos beneficiários e público presentes sobre cuidados com os Rins. Vejam as fotos:

 

Fontes de pesquisa: http://www.sbn.org.br; http://www.sonesp.org.br;   http://www.saude.sp.gov.br;   http://www.cdrb.com.br;

 




Escritório Central
(17) 3214-6499

Unidade Administrativa
Rua XV de Novembro, 4488 - Redentora
CEP 15015-110 - São José do Rio Preto/SP
Unidade Medicina Preventiva
Rua Redentora, 3140 - Redentora
CEP 15015-780 - São José do Rio Preto/SP
Unidade Comercial
Rua Redentora, 3238 – Redentora
CEP 15015-780 – São José do Rio Preto/SP
© Bensaúde - Todos os direitos reservados
desenvolvido por Diginova - Sites e Sistemas